Déficit de US$ 18,6 bi é recorde para o semestre, puxado por forte alta 27,8% de importações

Mercado interno é ativo estratégico nacional e deve ser preservado de operações desleais e ilegais de comércio na retomada econômica.

As importações brasileiras de produtos químicos no primeiro semestre do ano totalizaram US$ 25 bilhões, aumento de expressivos 27,8% em relação ao igual período de 2020 e superando em U$ 3 bilhões (total equivalente ao valor médio de um mês em importações) o maior valor até então registrado para igual período, de US 22 bilhões, entre janeiro e junho de 2013 (ano do déficit recorde de US$ 32 bilhões em produtos químicos). Em uma avaliação mensal, no contexto das perspectivas positivas de desempenho da economia brasileira para o ano com a retomada mais sólida de várias atividades que ainda sentiam severos impactos da pandemia, o valor importado foi superior a US$ 3,5 bilhões em todos os meses do primeiro semestre, tendo atingido, em junho, a inédita marca de US$ 5 bilhões em um único mês…

Fonte Site da ABIQUIM

Leia na Integra em https://abiquim.org.br/comunicacao/noticia/9650



Deixe uma resposta