Política Industrial para o Brasil, Quando?

Déficit recorde em produtos químicos expõe necessidade urgente de uma Política Industrial para o Brasil.

O déficit acumulado da balança comercial de produtos químicos atingiu recorde de US$ 8,1 bilhões nos dois primeiros meses do ano. O valor representa crescimento de expressivos 49,4% em relação ao mesmo período do ano passado, que havia sido de US$ 5,4 bilhões.

No primeiro bimestre de 2022, as importações de produtos químicos totalizaram mais de US$ 10,6 bilhões, avançando 47,8% em relação ao mesmo período de 2021, no maior patamar de aquisições para os dois primeiros meses do ano em toda a série histórica de acompanhamento da balança comercial setorial.

Já as exportações, de pouco mais de US$ 2,5 bilhões, apresentaram, por sua vez, um aumento de 43% na mesma comparação. Ambos os resultados foram fortemente influenciados pelos aumentos de 63,1% nos preços dos produtos químicos importados pelo Brasil e de 44,5% daqueles exportados pelo País para seus parceiros comerciais.

 

Leia mais em https://abiquim.org.br/comunicacao/noticia/10046
Fonte:  Site da ABIQUIM

 



Deixe uma resposta