Resíduos sólidos como matéria-prima para a geração de energia

“O lixo é um desperdício de matéria-prima”

O reaproveitamento dos resíduos sólidos como matéria para a geração de energia já é realidade em muitos países.

Para discutir o assunto o Conselho Regional de Química da 4ª Região (CRQ IV) convidou para sua live, na quinta-feira (22), à noite, no seu canal no Youtube, os especialistas José Carlos Silvestre Filho, professor da Universidade Federal de São Carlos (unidade Sorocaba), e Wellington Pereira, mestre em Físico-Química. Ambos com mais de 15 anos de experiência na gestão de resíduos sólidos. A live foi organizada pela Comissão Técnica de Energia do CRQ-IV.

“É um tema abrangente, mas ainda pouco conhecido no Brasil”, destacou Silvestre, no início da sua exposição.

Carlos Silvestre, que é criador do Programa Aterro Zero Salmeron Ambiental, em São Paulo, mostrou preocupação com as mudanças climáticas. Ele disse que as atividades humanas como transporte, agropecuária, desmatamento, atividades industriais, descarte de resíduos sólidos e queima de combustíveis fósseis, entre outros, têm um impacto enorme no efeito estufa e nas mudanças climáticas.

De acordo com o especialista, o setor de energia no Brasil contribui com 35% na causa do efeito estufa, seguido pelo setor agropecuário (24%).

Leia mais em http://cfq.org.br/noticia/residuos-solidos-como-materia-prima-para-a-geracao-de-energia/

Fonte — Site da CFQ 



Deixe uma resposta